• Redação

Coluna da Débora: Ministério do Catequista, sobre o que estamos falando?

Olá, catequistas!


Vamos conversar um pouco mais sobre o Ministério de Catequista?

“Convido, pois, as Conferências Episcopais a tornarem realidade o Ministério de Catequista [...] em conformidade com tudo o que foi expresso por esta Carta Apostólica” (AM, 9).


Estas são palavras do Papa Francisco no Motu Proprio Antiquum Ministerium que institui o ministério de catequista. Desde então muito se tem refletido sobre pontos importantes que precisam ser esclarecidos e reforçados em nossa missão.


É importante lembrar que ministério é o dom de cada um colocado a serviço da missão na Igreja e no mundo. Isto equivale a dizer que temos um ministério quando nossa ação assume a forma de um serviço bem determinado e responde a exigências permanentes da comunidade e da missão. Por isso ao falar de ministério falamos de serviço à comunidade, de um dom que é colocado em favor do crescimento de todos e para o bem de todos.


No caso específico do ministério de catequista, compreendemos que é uma instituição oficial, em uma comunidade, seguindo ritual litúrgico próprio e que busca fortalecer a dimensão eclesial do serviço catequético.


Já pela própria definição do termo ministério é possível destacar uma primeira implicação pastoral para a catequese, pois somos convocados a viver nossa missão em ótica de serviço. Não que antes não a vivêssemos, porém o fato de oficializar o status de ministério para o serviço catequético coloca a própria catequese no centro de uma reflexão que deve ser, cada vez mais, atualizada e aprofundada.


Diante da instituição do Ministério de Catequista, podemos nos perguntar: o que muda? Qual o sentido dessa instituição para o trabalho da catequese? Qual a implicação pastoral de tal acontecimento?


Vamos aproveitar o espaço da coluna e refletirmos juntos?


Teremos uma sequência de texto dedicados a aprofundar a formação de catequistas, o perfil de catequista, os critérios para a instituição do ministério e sua relação com a comunidade.


Até a próxima!

 

Débora Pupo é Coordenadora Regional da Dimensão Bíblico-Catequética do Regional Sul 2, da CNBB e autora da coleção "Crescer em Comunhão" e dos livros: "Catequese... Sobre o que estamos falando mesmo?" e "Celebrações no Itinerário Catequético... Sobre o que estamos falado?", todos publicados pela Editora Vozes. Bacharel em Teologia, pela Faculdade Missioneira do Paraná, a colunista também é mestre na mesma área, formada pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Curitiba, tendo como título de sua dissertação: "Iniciação Cristã e Catequese com adultos: um caminho para o discipulado".

78 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo